Perfil

Sou Maria Cristina. Fiz bacharelado e Licenciatura em Ciências Sociais, na PUC-SP, onde também fiz minha especialização em Projetos Pedagógicos com o Uso das Novas Tecnologias e o mestrado em Educação: Currículo (linha de pesquisa Novas Tecnologias e Educação). Professora da SEESP e professora universitária. O blog só tem como objetivo ampliar as discussões em sala de aula.

sábado, 28 de julho de 2007

Laboratórios sociais virtuais

Em 27/07/2007 o site da FAPESP informa que um estudo realizado por William Bainbridge, diretor da divisão de Informática e Sistemas Inteligentes da National Science Foundation (NSF), órgão federal de apoio a pesquisa dos Estados Unidos, em artigo publicado na revista Science demonstra que ambientes tridimensionais e virtuais como o Second Life (SL) e World of Warcraft (WoW) são ferramentas úteis para estudos em ciências sociais, econômicas e comportamentais.
De acordo com o site da FAPESP Bainbridge afirma que “O SL permite que pesquisadores façam experimentos dentro de um laboratório que imita uma situação real com bastante fidelidade. O programa chega a ser utilizado por algumas empresas para reuniões, quando os participantes estão geograficamente separados”, e o WoW se prestaria à observação, porque as atividades de dois grupos opostos ocorrem constantemente. “Em termos de metodologias de pesquisa científica, é possível fazer entrevistas para investigações etnográficas em ambos os ambientes, mas outros métodos poderiam funcionar melhor em um ou outro”, disse.
O artigo The scientific research potential of virtual worlds, de William Bainbridge, pode ser lido por assinantes da Science em www.sciencemag.org.

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

bolinhas bolinhas